Doce Insanidade
BellVil
 
Até hoje não sei, procurei explicações,
sei bem que elas não existem, por que teimo então em tanto a elas, buscar.
Mania de fantasiar, criar o que seria tão normal.
Fecho os olhos, lá vou eu de novo, contigo sonhar.
Quando aprenderei e desse absurdo, poder me livrar.
Nem ao menos conheço o dono que em delírios doces, me deixa divagar.
Louca serei, ou por demais normal.
Apenas desejar a metade que falta... para me completar?
Quem sonha comigo, não consigo me apaixonar.
Doce insanidade, preciso com muito carinho, disso me curar!